news:

Sul de Minas

Prefeitura cancela carnaval por falta de recursos em cidade sul-mineira


foto_principal.jpg
10/01/2018

Matéria extraída do G1

 

Comunicado foi divulgado no site e nas redes sociais da prefeitura; motivo seria a falta de verbas.

 

Um comunicado divulgado esta semana pela prefeitura de Gonçalves cancelou oficialmente o carnaval da cidade. Marcado pelas atrações na praça da igreja matriz, o carnaval não vai acontecer depois que o prefeito Luiz Rosa da Silva alegou falta de verba para planejar o evento.

 

No comunicado publicado no site oficial e nas redes sociais da prefeitura, o prefeito fala em economia de recursos e afirma que a cidade sofre com o atraso de repasses do governo federal e estadual. A falta de repasses, segundo a nota, prejudica os pagamentos obrigatórios e a prefeitura não tem verba exclusiva para ser usada para o carnaval.

 

A decisão de suspender o evento, segundo o prefeito, foi conjunta com todos os departamentos da cidade em uma reunião, realizada no último dia 8. “Todos se mostraram diante da situação econômica do país, nosso estado e nosso próprio município favoráveis ao cancelamento, a fim de resguardar recursos para investir em áreas”, diz a nota.

 

Na rede social, houve reações favoráveis e também reclamações. Parte dos moradores apoiou a decisão e outros argumentaram que o cancelamento pode prejudicar o faturamento de comerciantes e outros setores que são beneficiados com a data.

 

Em 2017, o carnaval de Gonçalves teve 14 atrações, entre bandas, DJ's, desfile de blocos e fantasias e matinê.

Comunicado foi divulgado no site e nas redes sociais da prefeitura; motivo seria a falta de verbas.


 


Um comunicado divulgado esta semana pela prefeitura de Gonçalves cancelou oficialmente o carnaval da cidade. Marcado pelas atrações na praça da igreja matriz, o carnaval não vai acontecer depois que o prefeito Luiz Rosa da Silva alegou falta de verba para planejar o evento.


 


No comunicado publicado no site oficial e nas redes sociais da prefeitura, o prefeito fala em economia de recursos e afirma que a cidade sofre com o atraso de repasses do governo federal e estadual. A falta de repasses, segundo a nota, prejudica os pagamentos obrigatórios e a prefeitura não tem verba exclusiva para ser usada para o carnaval.


 


PATROCINADORES

A decisão de suspender o evento, segundo o prefeito, foi conjunta com todos os departamentos da cidade em uma reunião, realizada no último dia 8. “Todos se mostraram diante da situação econômica do país, nosso estado e nosso próprio município favoráveis ao cancelamento, a fim de resguardar recursos para investir em áreas”, diz a nota.


 


Na rede social, houve reações favoráveis e também reclamações. Parte dos moradores apoiou a decisão e outros argumentaram que o cancelamento pode prejudicar o faturamento de comerciantes e outros setores que são beneficiados com a data.


 


Em 2017, o carnaval de Gonçalves teve 14 atrações, entre bandas, DJ's, desfile de blocos e fantasias e matinê.



Comunicado foi divulgado no site e nas redes sociais da prefeitura; motivo seria a falta de verbas.



Um comunicado divulgado esta semana pela prefeitura de Gonçalves cancelou oficialmente o carnaval da cidade. Marcado pelas atrações na praça da igreja matriz, o carnaval não vai acontecer depois que o prefeito Luiz Rosa da Silva alegou falta de verba para planejar o evento.



No comunicado publicado no site oficial e nas redes sociais da prefeitura, o prefeito fala em economia de recursos e afirma que a cidade sofre com o atraso de repasses do governo federal e estadual. A falta de repasses, segundo a nota, prejudica os pagamentos obrigatórios e a prefeitura não tem verba exclusiva para ser usada para o carnaval.



PATROCINADORES

A decisão de suspender o evento, segundo o prefeito, foi conjunta com todos os departamentos da cidade em uma reunião, realizada no último dia 8. “Todos se mostraram diante da situação econômica do país, nosso estado e nosso próprio município favoráveis ao cancelamento, a fim de resguardar recursos para investir em áreas”, diz a nota.



Na rede social, houve reações favoráveis e também reclamações. Parte dos moradores apoiou a decisão e outros argumentaram que o cancelamento pode prejudicar o faturamento de comerciantes e outros setores que são beneficiados com a data.



Em 2017, o carnaval de Gonçalves teve 14 atrações, entre bandas, DJ's, desfile de blocos e fantasias e matinê.





Veja Também